quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

A Taberna "chique" de Bonjardim


Já tinha tentado mais do que uma vez marcar mesa na Taberna do Bonjardim, mas sempre que ligava para lá, tinha sempre o azar de a sala estar sempre cheia.

Desta vez consegui marcar mesa, e lá fui eu para tentar descobrir o porquê da Taberna estar sempre cheia.

A Taberna do Bonjardim é um espaço com dois andares, onde no 1º andar encontramos um balcão corrido onde são servidos os petiscos durante a tarde, e um 2º andar onde existe uma sala de jantar.

O acesso á sala de jantar é feito por uma escada, onde a parede que a ladeia está totalmente forrada com caixas de vinho… uma excelente ideia decorativa.

A sala de jantar em si, é muito pequena e com mesas muito juntas e em cima umas das outras o que torna a refeição numa partilha com os vizinhos do lado e que provoca uma enorme falta de privacidade. Entendo que se queira maximizar o lucro, mas este restaurante ganharia mais, se as mesas fossem mais espaçadas.

Como “couvert” foi servido um prato com duas azeitonas e azeite para prova assim com um cesto de pão. Nada de relevante.

Como entrada, pedimos umas setas grelhadas… As setas foram servidas num tacho de barro, muito original, mas estavam sem sabor e algumas delas estavam duras. Uma pitada de sal e pimenta teriam dado um bocadinho mais de graça ao prato.

Para o jantar pedimos um esparguete com amêijoas que não passava disso! Era um esparguete cozido com amêijoas, alho francês e manjericão, vulgar!

Foi pedido também um lombo de porco bisaro com grelos e puré de castanhas que tinha um aspecto maravilhoso, mas que depois na boca roçava a vulgaridade.

Ambos os pratos não acrescentavam nada de novo no meu panorama gastronómico! Estava á espera de mais inovação, mais arrojo!

A sobremesa, manteve o mesmo nível de desilusão… um crumble de maçã com gelado de tangerina… nada de novo, ou melhor o gelado era óptimo!

A carta de vinhos é curta mas extremamente equilibrada, está cheia de coisas boas e a preços que podemos considerar acessíveis. Bebemos um “Fita preta 2007” que foi servido com a uma excelente temperatura e em copos adequados!

Pedimos café e a conta, pagamos 50,75€!

Irei voltar para beber um copo de espumante ao fim da tarde e para provar alguns dos petiscos que por lá vi…


Taberna do Bonjardim

Rua do Bonjardim 450

Porto

2 comentários:

Joli disse...

pelo teu relato, fiquei com a ideia que foi uma refeição cara para o que comeste?
podias por a morada do spot :)

Cumprimentos,

Ricardo Campos disse...

ja temos a morada :)),
o problema nem foi o preço, mas sim a vulgaridade das coisas.
ou eu estou "mal habituado" ou os meus padrõezinhos estão muito lá para cima.