domingo, 6 de março de 2011

Francesinhas em Gaia



Raramente digo que não a um desafio gastronómico, e então quando é para ir á procura do “santo graal” das francesinhas, transformo-me logo num cavaleiro templário pronto a partir para a terra santa.

O destino desta vez era o Tappas Caffé em Gaia,

ali para os lados do Candal, onde me diziam que eu provavelmente iria comer a melhor francesinha do mundo em forno a lenha. Chegamos ao local e verificamos que existiam pessoas á nossa frente e que o espaço estava á pinha, o que ainda me elevou mais as expectativas e fez-me crescer mais água na boca. Fomos recebidos pela gerência que muito simpaticamente nos pediu para aguardar, aguardamos cerca de 30 minutos.





Mesinha pronta!

Na mesa fomos recebidos por uma salsicha envolta num molho delicioso e por um pãozinho fatiado que acompanhava na perfeição, mas pedia um copo de cerveja fresca. Foi-nos sugerido beber uma “leiteira”, uma caneca de alumínio gelada com cerveja de pressão lá dentro, apesar de eu da próxima vez que lá for querer experimentar com uma Heineken.


Foi-nos servida uma francesinha “especial com ovo” que estava óptima, embora na minha opinião o pão devesse estar mais crocante, pois com o molho e com a abundância de queijo, o pão parece que se transformou numa papa. Os ingredientes eram de boa qualidade, assim como o serviço e a apresentação do prato em si!

Sem duvida um sitio a ir!

Sem sobremesa pedimos a conta e pagamos 17€ pessoa, o que na minha opinião é um bocadinho caro para quem come francesinhas, mas se tivermos em conta que cada “leiteira de cerveja” custa 2.2€ e foram pedias quatro…

5 comentários:

Anónimo disse...

tu bem sabes que eu ate ja estive (contigo) no locanda... e renego esta invençao no forno, terminatemente.. nao eh francesinha..é lasanha à moda do porto..o molho com tanta temperatura perde as caracteristicas... para guia de francesinha recomendo a leitura da timeout deste mes...como sempre uma lista de francesinhas assegura como eh obvio polemica!mas eu ainda estou nas classicas ( sendo a da cufra e fase para mim a melhor). mas nisto de opinioes sobre francesinhas ..ja se sabe...


ass. bartok

Ricardo Campos disse...

é mt bem aplicado o termo lasagna á moda do Porto...
com a ida ao forno parece q tudo se desfaz e o pão deixa de ficar estaladiço em fica empapado no molho e no queijo.

andreafonso disse...

Olá Ricardo! Folgo saber que também admiras esse pitéu que é a francesinha! Eu sou doido e gosto igualmente de experimentar novas propostas. Por acaso este restaurante não o conheço... É caso para lá ir! Na zona do Porto o meu local predilecto continua a ser o S. Nicolau na ribeira, praticamente em frente à entrada para o parque de estacionamento da Alfândega. 10 €, francesinha com um molho especialmente picante e de dimensões generosas! Aposto que só não vais gostar de 1 coisa: o Benfiquismo do Sr. Bruno! ;)
Com a mudança residencial para Esposende conheci felizmente o restaurante / bar Bigosses. Pois a francesinha de lá é algo de fora de série com um molho que não se encontra em lado algum! Vale bem a pena!
Continua a brindar-nos com as tuas sugestões,
Abraço
André Afonso

Ricardo Campos disse...

André:
na adega s. nicolau nunca comi francesinha, mas a vitela mendinha no forno é fabulosa.
a boa gastronomia não tem clube!

Tappas Caffé disse...

Já falta pouco para o reconhecimento ao Tappas Caffé , hoje na praça da alegria canal 1 desde já agradeço a todos os amigos e inimigos porque só com a vossa ajuda é que este reconhecimento foi possível...:-)